Siga-nos nas Redes Sociais

Tecnologia

Amazon e eBay: bons resultados no combate às caixas piratas

As plataformas de compra e venda Amazon e eBay vêm mostrando resultados positivos no combate à venda de caixas piratas.

Publicado

em

Amazon e eBay

As plataformas de compra e venda Amazon e eBay vêm mostrando resultados no combate à venda de caixas piratas. O site TorrentFreak testou as plataformas, nos EUA e Reino Unido,  para investigar quão facilmente se pode encontrar os aparelhos ilegais. Já mostramos como a utilização das caixas piratas, conhecidas também como “TV Boxes” ou “Kodi Boxes”, pode trazer riscos para o usuário, mas consumidores desavisados continuam procurando pelos aparelhos, em especial aqueles já configurados para uso ilícito.

Em 2017, a Amazon e a eBay anunciaram mudanças em seus termos de uso, visando reforçar a proibição da venda de artigos desse tipo. O TorrentFreak resolveu testar a eficácia das mudanças desde então, averiguando o sistema de pesquisa de palavras-chave de cada uma, comparando com os resultados de 2017.

Boas notícias: O site eBay, testado em sua versão estadunidense e britânica, não mostrou resultados ilícitos para a pesquisa do termo “Kodi Box”, um grande avanço em relação a 2017, quando as caixas piratas preenchiam completamente as primeiras páginas de resultados.

Outro termo pesquisado foi “fully-loaded”, expressão usada para descrever dispositivos já configurados com aplicativos de stream ilícito ou outros conteúdos pirateados. A pesquisa por caixas “fully-loaded” retorna resultados sem relação com a pirataria, como equipamentos para pesca ou livros e DVDs. Nos casos em que a busca retorna aparelhos decodificadores pré-configurados, são caixas equipadas com Netflix e aplicativos similares, de origem legal e que fogem ao interesse de quem busca mídia pirata.

Para o site da Amazon, os resultados obtidos foram parecidos. Embora ainda seja possível encontrar aparelhos piratas na plataforma, os métodos mais simples foram drasticamente obstruídos, desencorajando a participação de compradores novos ou casuais.

O ponto negativo: Apesar do avanço no combate às caixas piratas, ainda é possível encontrar assinaturas pirateadas de serviços IPTV tanto na Amazoncomo no eBay. Além disso, para aqueles dispostos a pesquisar a fundo, os produtos piratas ainda podem ser encontrados. Está, no entanto, muito mais difícil obter sucesso na busca, uma notícia que será bem recebida por detentores de direitos intelectuais.

O blog “Sou Legal” foi criado para informar e discutir os riscos e impactos do acesso ilegal aos canais de TV por assinatura.

Tecnologia

Lista IPTV Legal: cuidado, isso não existe

Publicado

em

Por

Toda lista IPTV é ilegal

Uma das estratégias de serviços piratas de conteúdo audiovisual é publicar matérias enganosas em sites com aparência de veículos de notícias com o objetivo de induzir o usuário a acreditar que existem listas IPTV legais. Mas a realidade é que as operadoras de TV paga legais não oferecem conteúdos oficiais em listas de IPTV. Portanto, toda lista IPTV é ilegal.

Nenhum provedor de internet ou operador, que possui contrato com programadoras, está autorizado a comercializar “listas IPTV” para distribuição de conteúdo pago.

Como o Sou Legal já explicou em outras matérias, o serviço (e não as listas) IPTV pode ser legal ou ilegal. O serviço legal nunca oferece as chamadas listas. Quando o serviço IPTV é legal ele oferece a programação tradicional dos canais de TV por assinatura. Para isso os provedores de serviços de IPTV legais possuem contratos de transmissão com os donos dos canais, como qualquer operadora de TV por assinatura. Para ser legal o serviço também tem que cumprir as regras da Anatel e da Ancine, as agências que regulam o setor, como o uso de equipamentos homologados e a posse de licença para a prestação do serviço. Além disso, pagam impostos e outros encargos devidos. Mas a diferença mais visível entre um serviço IPTV legal e o ilegal é que o primeiro nunca oferece listas. Lembre-se, toda lista IPTV é ilegal.

Continuar Lendo

Tecnologia

O seu IPTV é Legal?

Publicado

em

Por

Francisco Kroner / 140 Online

Antes de você conseguir responder essa pergunta é importante explicar o que é IPTV. A Internet Protocol Television é a tecnologia para transmissão de conteúdo em vídeo digital, incluindo canais de TV, entregue por meio do uso do protocolo IP. Essa distribuição pode ser feita pela internet pública ou por uma rede privada, também via IP.

Mas o IPTV é legal ou ilegal? A resposta é: ele pode ser legal e também pode ser ilegal. O que diferencia um serviço de IPTV legal de um ilegal é a existência ou não de contratos para transmissão de séries, filmes, jogos, canais com o dono desse conteúdo audiovisual. Também será ilegal um serviço IPTV que descumprir regras da Anatel e Ancine aplicáveis a ele, como as que exigem o uso de equipamentos homologados ou que demandam licença para a prestação do serviço, bem como as que não pagam impostos e outros encargos sociais devidos.

Serviços piratas IPTV capturam sinais e conteúdos audiovisuais (muitas vezes a partir de assinaturas legais) para então hospedá-los em servidores de hospedagem e iniciar a comercialização ilegal desses acessos junto a consumidores interessados. Não possuem o direito de transmitir e comercializar esses conteúdos, que não são seus e nem autorizados pelos seus donos, e tampouco cumprem as obrigações tributárias, regulatórias que outros ofertantes (legais) cumprem.

A produção de conteúdo audiovisual envolve toda uma cadeia produtiva, que inclui vários players, várias etapas de trabalho e vários custos envolvidos, além de impostos. Quando o pirata comercializa o conteúdo sem pagar nada por ele, está inviabilizando esse ciclo de produção, minando a sobrevivência de toda uma indústria, eliminando empregos e prejudicando investimentos sociais pelo não pagamento de impostos. Ele apenas lucra com o trabalho de terceiros, sem remunerar ninguém e sem devolver nada à sociedade. A minoria pirata ganha para empresas e consumidores legais perderem.

Além disso, quando o serviço é pirata a qualidade da transmissão via IPTV varia bastante já que as operações são clandestinas e não contam com o suporte de técnicos e especialistas. E mais, os aplicativos usados para dar acesso aos conteúdos podem ser portas de entrada para vírus e também para o roubo de dados do usuário.

É preciso dizer que, tanto os serviços de IPTV legais quanto os ilegais podem ser acessados via set-top-boxes, computadores, smartphones, tablets ou smartvs. Não se iluda: o serviço será ilegal se não tiver contratos que lhe autorizem a transmissão de conteúdos de terceiros.

Para saber mais se o seu serviço de TV é legal, acesse os links abaixo:

O que é IPTV e como funciona?

A TV que você assiste é legal? Você vai descobrir agora

 

 

Continuar Lendo

Trending